Postagens

Será o fim da privacidade?

Imagem
A discussão da privacidade (ou da falta dela) no mundo contemporâneo é urgente! Será que ela existe mesmo? Como ela pode afetar nossas vidas? Que cuidados você tem para manter sua privacidade? E as pessoas em geral?

Pra te ajudar a pensar no assunto, sugiro algumas fontes:

Snowden | Direção e Roteiro: Oliver Stone
Ex-funcionário terceirizado da Agência de Segurança dos Estados Unidos, Edward Snowden (Joseph Gordon-Levitt) torna-se inimigo número um da nação ao divulgar a jornalistas uma série de documentos sigilosos que comprovam atos de espionagem praticados pelo governo norte-americano contra cidadãos comuns e lideranças internacionais. (Fonte: AdoroCinema)




Inimigo de Estado | Direção Tony Scott
O congressista Phillip Hammersley assassinado por um órgão do governo, logo após ter se declarado radicalmente contra uma lei que, em nome da segurança nacional, permitiria que houvesse uma total invasão de privacidade, pois na prática qualquer pessoa poderia ser monitorada pelo governo. Mas, …

;-)

Imagem

Sobre Fake News

Imagem
Respostas dadas para Rebecca Mistura - Jornal O Nacional em [9 JAN 2018]

É possível apontar a fonte dessas notícias falsas? 
A propagação de informações falsas (ou não) nas redes sociais dificulta a identificação da origem de determinada notícia! Basta pensarmos que se uma determinada notícia falsa for compartilhada uma vez no Facebook por uma pessoa que tenha 338 amigos - este é o número médio de amigos no Facebook revelado pela rede social digital em 2017 - e se cada um destes 338 amigos compartilha-la novamente, a mensagem chegará a 114.244 pessoas. A dimensão do alcance da rede fica ainda mais clara se houver um terceiro nível compartilhamento, ou seja, se cada uma destas 114.244 pessoas compartilharem novamente a notícia, chegaremos ao número de 38.614.472 pessoas. Ou seja, para o usuário comum é impossível chegar à fonte real da notícia.
Com relação às notícias falsas é importante destacar que: 1) Sempre existiram, mas a velocidade com que se alastram em um mundo conectado é verti…

Singularity University Global Summit 2017

Resumo do Singularity University Global Summit 2017 em São Francisco, CA/US
O evento trata sobre o futuro dos negócios, da tecnologia e da humanidade.

Fontes: Rafael Prikladnicki [ tinyurl.com/GSummitReview ]

Singularity University Global Summit 2017 - resumo do primeito dia em 10 itens:
1. São 1.600 participantes do mundo inteiro. 70% são estrangeiros. A maior delegação é do Brasil.
2. Em 2030, mil dólares vão comprar poder computacional equivalente ao cérebro humano. Em 2050, mil dólares vão comprar poder computacional equivalente a todos os cérebros humanos juntos.
3. Em 2010 1.8 Bilhões de pessoas estavam conectadas à internet. Em 2017 são 3 Bi. Entre 2022 e 2025 será o mundo inteiro. Com mais conexões, mais oportunidades, mais gênios.
4. As próximas duas décadas serão diferentes de qualquer coisa que vivemos nos últimos cem anos.
5. Podemos prever empregos que serão absorvidos pela tecnologia. Mas não podemos prever quais empregos vão surgir a partir da tecnologia. A dificuldade é…

Conectados UPFTV

Imagem

Vamos pensar sobre o modelo Educacional?

Imagem
Sempre que posso, indico às pessoas que invistam 15 minutos de sua semana assistindo a uma palestra TED! Evento que circula o mundo apresentando ideias originais, inquietantes, criativas e inovadoras!
Pois bem, aqui vão dois dos vídeos que mais gostei até hoje! Obviamente, falam sobre a Educação (ou do modelo equivocado que temos dificuldade em transformar - na verdade, trata-se de uma incapacidade de reconhecer sua falência eminente!

O primeiro é de Sir. Ken Robinson. Ele argumenta de forma divertida acerca das incoerências de nossos sistemas educacionais e propões possíveis bases sobre as quais se poderia criar de um sistema educacional que nutre (e não mina) a criatividade.



A segunda palestra é de Sílvio Meira. Um dos maiores cientistas do país fala sobre a incoerência do modelo educacional para dar conta das demandas da sociedade contemporânea.


Bom proveito e reservem uns minutos para assistir a estes vídeos!

Gostou do assunto? Curta a página de Cultura Digital na Educação [https:…

Por que devemos ensinar as crianças a programar?

Imagem
Coluna Escrita para o caderno DM em Sala de Aula!
Olá! Na coluna de outubro escrevi um pouco sobre como a concepção de informática educativa enquanto instrumento interdisciplinar tem - no decorrer de 30 anos no Brasil - dado sinais claros de enfraquecimento e, principalmente, a sua contribuição tímida na melhoria da educação! Nesta coluna do DM na Sala de Aula, quero dar continuidade à temática da Programação de Computadores na educação. Para tanto argumentarei acerca da pertinência da programação e dos motivos pelos quais devemos ensiná-la em nossas escolas. Neste sentido, apresento um arrazoado de argumentações apresentadas por um grande grupo de pesquisadores que se ocupam da compreensão do potencial da programação de computadores no desenvolvimento cognitivo de crianças! Motivo 1: A programação desenvolve nas crianças uma cultura de produção de tecnologia e não somente de consumo. O desenvolvimento de uma postura de protagonismo na criação de soluções para problemas que vão, desde m…