Postagens

Mostrando postagens de 2010

Leia a carta de Stallman para Dilma

Cara presidenta eleita Rousseff e cidadãos do Brasil
No debate brasileiro sobre a lei de dirieto autoral, uma melhoria importantíssima foi sugerida: a liberdade de compartilhar obras publicadas em troca de uma taxa cobrada dos usuários de Internet ao longo do tempo. Reconhecer a utilidade à sociedade do compartilhamento de arquivos via Internet entre os cidadãos será um grande avanço, mas esse plano levanta uma segunda questão: como utilizar o valor arrecadado? Se usado adequadamente, ele oferece a chance de um segundo grande avanço, em apoio à arte.
As editoras costumam propor usar o dinheiro para “recompensar” os “titulares dos direitos” — duas más ideias juntas. “Titulares dos direitos” é uma forma disfarçada de direcionar o dinheiro principalmente às editoras em vez de aos artistas. Quanto a “recompensar”, esse conceito é inadequado, pois significa pagar a alguém para fazer um trabalho, ou compensar essa pessoa por tirar algo dela. Nenhuma dessas descrições se aplica à prática do …

Nossa CiberVida 1.2 [Diário da Manhã - 11/08/2010]

Nossa CiberVida 1.2.
Exclusão digital: O que o professor tem a ver com isto?!?


Olá, em nossos últimos encontros (*) propus algumas discussões acerca da exclusão digital. No primeiro, forneci algumas pistas para que você detectasse, ou não, sua condição de excluído; o segundo tratava das implicações da exclusão digital na vida de cada um de nós. Neste último, propositalmente, dei ênfase às questões financeiras, alertando é claro que não se tratava somente disto. Pois bem, aqui trago outro elemento importante para considerarmos: o papel do professor, sujeito que, frequentemente, se enquadra na classe dos principais excluídos digitais.

Alerto de antemão que, na condição de docente a mais de 15 anos, não tenho por objetivo imputar ainda mais responsabilidade sobre nossas costas de professores, já suficientemente maltratadas pela chibata do descaso histórico com a educação e seus profissionais. Entretanto, não podemos virar estas mesmas costas para nossas responsabilidades, especificamente n…

Nossa CiberVida 1.1 [Diário da Manhã - 14/07/2010]

Nossa CiberVida 1.1
Ok, eu sou um excluído digital! E DAÍ ?!?!?!?

Olá, no nosso último encontro (*) propus algumas questões para que pudesses constatar se é ou não um excluído digital, lembras? Não? Caso não tenhas lido, aqui vão as questões de novo, ok? Porém, lembre-se uma resposta “não” já indica algum nível de exclusão digital:

“Você lê os seus e-mails diariamente? Você verifica a programação do cinema na Internet? Quando perguntam teu endereço você informa seu e-mail? Você tem Twitter? Você tem mais de um e-mail? E perfil no Facebook, você tem? Você resolve todos os seus problemas no computador sem o suporte de seu filho de 9 anos? Você assiste aos melhores momentos da copa do mundo no youtube? Você sabe o que significam os símbolos ;-) e :-D que utilizei neste texto?”


Bem, a julgar por alguns dos retornos que tive por e-mail, pelo blog que criei para conversar com você - a sim, o endereço do blog é nossacibervida.blogspot.com -, ou pessoalmente mesmo, muita gente deve ter se ide…

Nossa CiberVida 1.0 [Diário da Manhã - 30/06/2010]

Nossa CiberVida 1.0 Exclusão Digital: Saiba se você é um excluído! ;-)

Nos dias de hoje algumas questões referentes à presença das tecnologias na vida das pessoas têm ganhado destaque e merecem nossa atenção. Por exemplo: o que é exclusão digital? Como nosso país tem trabalhado no sentido de minimizar esta realidade? Qual o papel das escolas neste processo? De que forma as tecnologias transformam nossas vidas? Qual o nível de imersão tecnológica a que estamos submetidos? Qual nossa dependência da tecnologia? Seria possível viver sem ela? Como nos proteger dos perigos da sociedade digital? E que perigos são esses? Como podemos nos beneficiar da tecnologia? Quais os motivos que nos fazem sentir analfabetos ao lado de uma criança de 9 anos brincando ao computador?

Bem, este texto inaugura o início do que – espero - será um diálogo aberto e franco entre nós, sim, eu e você, sobre este fascinante e urgente tema que vou chamar a partir de hoje de “Nossa CiberVida”. Nas próximas oportunidades …