Meta-coluna - Revista Somando - Outubro 2013

CULTURA DIGITAL


Adriano Canabarro Teixeira
Doutor em Informática Aplicada em Educação, pós-doutorado em Educação, professor e pesquisador do Curso de Ciência da Computação e no Programa de Pós-Graduação em Educação da UPF.


Reconheço que são inúmeros os caminhos pelos quais poderia passar na escrita do primeiro texto de uma série. Optei pela segurança e pela obviedade de fazer o que vou chamar de meta-coluna, ou seja, uma coluna sobre esta coluna!
Trocando em miúdos, neste mês quero explicitar a você - permita-me a informalidade sim? garanto que ela também nos aproximará ;-) - o tom daqueles diálogos que faremos mensalmente e a vasta gama de assuntos que poderemos abordar a partir do tema Cultura Digital.
Para ser coerente com o mote da Coluna, nossa relação não poderia se acabar aqui, na prisão deste amontoado de átomos que chamamos de papel que por muito tempo e ainda hoje, é uma das principais formas de transmissão de informações da humanidade. E não se trata de uma crítica infundada a esta página onde você está lendo este texto, mas no reconhecimento de que ele nos impõe uma série de limitações inconcebíveis e desnecessárias neste mundo digital: O distanciamento que dificulta o diálogo.
Vamos resolver isto da seguinte forma: todo o texto publicado estará disponível em meu blog cujo endereço será disponibilizado em destaque no pé da página. Assim teremos a chance de estabelecer um verdadeiro diálogo sobre o assunto do mês, de ampliar e aprofundar o texto em papel e de receber sugestões sobre possíveis temas para as próximas colunas, ok?
Feitas estas considerações e esperando que possamos de fato interagir, está mais do que na hora de explorarmos algumas das possibilidades de reflexão que deverei propor nesta relação que iniciamos agora!  A ideia é que já no próximo mês tratemos do termo Cultura Digital de forma ampla e, posteriormente, possamos abrir links para sub-temas que nos auxiliem na compreensão de nossa época e de seus reflexos em nossas vidas nas mais diferentes dimensões.
E não pensem que a leitura da coluna neste mês foi em vão na exploração da temática explícita em seu enunciado. Nela já estão presentes elementos que são próprios desta cultura que, queira você ou não, é definidora de muitos aspectos de nossas vidas. Explicito-os: O rompimento dos limites de espaço e tempo a partir da possibilidade de diálogo na rede; A utilização de smilae  no segundo parágrafo como forma de dar o tom de uma colocação realizada por meio de caracteres tipográficos; e a utilização de termos que ganharam força no mundo digital, como por exemplo “link” que significa ligação com outro texto, tema ou informação.
Espero que as reflexões sobre temas relacionados à cultura digital possam te ajudar a compreender e melhor viver nesta era marcada pelo compartilhamento, pela comunicação e pela abundância, tema que tratarei já no próximo mês! Obrigado à revista Somando pela oportunidade e é uma honra colaborar com o serviço prestado à comunidade!

http://goo.gl/DqH08a



Comentários